Da nebulosidade inicial, o Homem limpa os olhos, descobre o silêncio, caminha para o dia em direção à luz. O sagrado não se oculta, está em si, nele, no Homem, à procura da claridade que decorre por entre as mãos.
Do obscuro saber, o mito esmaga a exterioridade, leva o Homem à viagem interior, onde as cores revelam a presença do sagrado que se esmagam no encontro da sensibilidade, no ventre.
Da coisificação absurda, rodeante, o Homem projeta no universo, na tela, a desordem onírica, que espera, necessita, do olho, da água, da lágrima que dá ordem, sentido.
Na inquietude individual, o artista, o pintor, olha o mito, agarra a cabeça, mergulha nas cores, limpa os olhos, desvela a vida.
A Vida...

sábado, 29 de setembro de 2012

correu muito bem!

Sabem um coisa...FOI LINDO LINDO LINDO!!!! estão todos de Parabéns!!!!
Professora Alexandra, Professor Célio, Professora Ana Paula e o coro das crianças...estão todos de Parabéns tornaram a história um momento mágico e onde há magia tudo pode acontecer!!!!!!
Agora vou jantar porque daqui a pouco tenho que estar lá outra vez porque vamos cantar e os meus filhotes também até já...portem-se bem!!!!!

4 comentários:

Lídia Borges disse...


Parabéns, Sílvia.
Depois me contarás tudo. ;)

Um beijo

Silvia Mota Lopes disse...

Obriga Lídia estou ansiosa por ver a filmagem foi mesmo um momento mágico eu nem quero crer que as letras das canções foram feitas praticamente numa hora, as músicas num dia e as crianças nem um mês tiveram para ensaiar!!!!
estão todos de parabéns por tornarem a história ainda mais bonita:)

Nilson Barcelli disse...

Foi com que crianças?
Presumo que da escola...
Trabalhar num sábado à noite é obra...
Beijo.

Silvia Mota Lopes disse...

não Nilson eu trabalho em Ponte de Lima em intervenção precoce e estas atuações são da escola dos meus filhos que também faço parte como membro do coro de pais..só que de tarde foi uma atuação especial a minha história Alícia no Bosque foi interpretada pelo coro de crianças, história e ilustração e letras das canções da minha autoria e músicas do Célio Peixoto. Foi um momento mágico!!! que em breve se vai transformar em livro...posso adiantar que este ano 2013 vão surgir muitas surpresas:)
beijinhos