Da nebulosidade inicial, o Homem limpa os olhos, descobre o silêncio, caminha para o dia em direção à luz. O sagrado não se oculta, está em si, nele, no Homem, à procura da claridade que decorre por entre as mãos.
Do obscuro saber, o mito esmaga a exterioridade, leva o Homem à viagem interior, onde as cores revelam a presença do sagrado que se esmagam no encontro da sensibilidade, no ventre.
Da coisificação absurda, rodeante, o Homem projeta no universo, na tela, a desordem onírica, que espera, necessita, do olho, da água, da lágrima que dá ordem, sentido.
Na inquietude individual, o artista, o pintor, olha o mito, agarra a cabeça, mergulha nas cores, limpa os olhos, desvela a vida.
A Vida...

domingo, 18 de março de 2012

Aqui tens Fabiana :)

 
Posted by Picasa

4 comentários:

FA disse...

Obrigada Amiga por esse mimimnho!:)
É muito lindo esse desenho, pena na foto não ter o mesmo impacto do real...Alias os seus desenhos, os pintados a lápis, parecem que já estão impressos, é de uma perfeição incrível. As telas são muito bonitas nas fotos, mas pessoalmente a magia acontece...tem um encanto e detalhes que não conseguimos descrever...

Muitos beijinho sua talentosa e continue nos enchendo os olhos de magia...
Estarei sempre por cá com meu pó-magico, rs...

Silvia Mota Lopes disse...

:)beijinhos

MA FERREIRA disse...

Amei o desenho...

bem que eu desconfiava que a Fá era
a bruxinha que andava a distribuir pó mágico por ai....

beijinho e semana de paz a vcs!!!

Silvia Mota Lopes disse...

A Fa é uma fada que me apoia muito é a minha admiradora nº1 ;) Quando vou ao blog e tenho um comentário...pronto já sei é da minha fadinha! :)
Obrigada Ma beijinhos e muita paz para si e para a sua família